3 formas de precificar sua empresa: o valuation e porque é tão importante.

3 formas de precificar sua empresa: o valuation e porque é tão importante.

Autor: Giulia S. Tolusso | Data: 10/07/2020

O que é valuation?

O valuation consiste na estimativa do quanto vale sua empresa, ou seja, sua precificação depende da capacidade de gerar fluxo de caixa e lucro para os sócios. É um cálculo com bases quantitativas e premissas definidas pela empresa, mas o resultado é subjetivo. Isso significa que também depende da percepção do mercado em relação ao preço justo. Existem várias formas de calcular o valor de uma empresa, e
vamos explicar algumas delas aqui.

A importância do valuation

Obter novos sócios é fundamental para o crescimento da empresa, seja por aumento de capital ou apenas alguém que vá te ajudar a desenvolver suas operações e processos de uma forma melhor.

Para o investidor o que importa é o potencial daquele negócio e sua capacidade em gerar lucro e se valorizar no longo prazo. Ou seja, são as duas formas de ganhar dinheiro com sua participação: esperar a empresa se valorizar e vender sua participação ou através do rateio do lucro entre os sócios. Startups são exemplos de negócios atrativos para novos sócios, já que possuem um imenso potencial de crescimento e possibilidade de triplicar seu valor de mercado.

O valuation é necessário em todas as empresas, sejam elas grandes negócios ou não. Você precisa entender o quanto vale sua empresa, quais os fatores que a valorizam e quais as deficiências que a desvalorizam. Assim, você desenvolve os pontos positivos e ao longo do tempo
melhora os pontos negativos, fazendo com que a empresa como um todo se valorize.

Além disso, saber quanto sua empresa valorizou ao longo do tempo é preciso, assim podemos identificar se ela está no caminho certo ou não. É possível também apresentar sua valorização para atrair novos sócios, mostrando o potencial do crescimento daquele empreendimento.

Para consolidar uma nova sociedade, embora o valuation seja subjetivo, cabendo a cada empresa escolher a melhor forma de fazer o seu, você precisa chegar em um preço justo alinhado com os possíveis novos sócios. Um preço fora da percepção de mercado vai afastar os investidores.

O valuation também é uma vantagem para o fim de uma sociedade: se o seu sócio quer se desfazer do negócio, você provavelmente vai adquirir a participação dele. Por isso, é fundamental que você saiba o preço real do quanto aquela parte da empresa vale.

Formas de calcular o valuation

A primeira forma, muito prática, consiste em chegar na média do lucro anual de uma empresa, a partir do seu fluxo de caixa mensal. Somamos com a quantia em caixa atual e multiplicamos por um período X de anos. Consiste numa projeção do quanto aquele negócio vai gerar de lucro para os sócios nos próximos anos.

Por exemplo, foi gerado 1 milhão de reais de lucro no primeiro ano, multiplicamos vezes 6 (para um período de 6 anos) e somamos com o caixa atual de 500 mil reais. Ou seja, a empresa vale R$6.500.000,00. Se eu quero comprar 10% da empresa hoje, pago R$ 650.000,00.

Outra forma para pequenas empresas, é calcular quanto foi aportado naquela empresa pelos sócios originais no primeiro mês, e o quanto foi gerado de faturamento. No período seguinte, aumentar na mesma proporção o valor da empresa com o faturamento daquele intervalo de tempo. 

Por último, outro método bem comum é estimar o fluxo de caixa para os próximos períodos, aplicar uma taxa de desconto baseado no risco da empresa frente a outros tipos de investimento, como a poupança, por exemplo, e trazer os resultados para valor presente.

Independente da forma que você escolher para fazer esse cálculo, é preciso acordar números com seus novos possíveis sócios, e chegar em um resultado que faça sentido para os dois lados.

Para aprender mais sobre o poder da sociedade dentro da exponenciação de uma empresa, bons investimentos e mercado financeiro, assista ao nosso vídeo do canal Clube do Henriquecer e acesse nosso curso Formando Investidores, disponível nas versões online e presencial. Além disso, todos os nossos clientes contam com assessoria vitalícia e clínica financeira, sem custo adicional nenhum. Para saber mais, acesse: https://guruinvestidor.com.br/cursos/

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
× How can I help you?