3 Anos em 3 Meses – Diário de um assessor de investimentos.

3 Anos em 3 Meses – Diário de um assessor de investimentos.

Autor: Matheus Carrascosa | Data: 15/10/2020

Acompanhe neste artigo como está sendo a rotina do Matheus Carrascosa, formado há um ano em publicidade, mas que há três meses mudou completamente a sua rotina para entrar no mercado financeiro.

“O ano de 2020 está sendo realmente atípico. Talvez toda essa loucura tenha me feito pensar muito na minha vida e principalmente na minha carreira profissional. Publicitário formado com 4 anos de mercado que decide jogar tudo para cima e buscar um novo desafio totalmente diferente de tudo que já tinha visto: assessoria de investimentos no mercado financeiro.

Eu, que nunca tinha investido e não era a pessoa mais preocupada com meu dinheiro…  tinha tudo para dar errado, não é mesmo?

Questionamentos não me faltavam: largar algo que eu já dominava amplamente, jogar fora minha carreira e experiência na área, possibilidade de crescimento nas grandes empresas que passei… foram só algumas das milhares possibilidades que afrontavam minha mente.

Mas se tem algo que esse ano louco de 2020 me ensinou, é de que ficar parado em casa sem perspectivas, sem novas experiências, sem aprendizado e principalmente sem dinamismo, são coisas que eu não quero para mim.

Acredito que estamos nessa vida para aprender sempre, inovar, e acima de tudo ser feliz. Por isso, decidi me jogar 100% nesse novo mundo.

Foram meses de estudos até eu ser aprovado na Ancord (prova que certifica novos assessores de investimentos). Nunca fui dos mais estudiosos e não fazia ideia do que era CDI.

Depois de algumas tentativas, fui aprovado e virei oficialmente um AAI.

Quarta-feira, dia 07 de outubro, completei 3 meses como assessor. Porém, parece que já se passaram 3 anos. Em um mercado tão dinâmico, o aprendizado e o crescimento são exponenciais. No começo, tudo parecia ser uma sopa de letrinhas: IPO, OPA, CDI, IFIX, IBOV, BDR e muitos outros termos que hoje já estou bem mais ambientado e acostumado a usar. Não que tenha sido fácil, mas como disse anteriormente, essa profissão é muito dinâmica.

Os primeiros meses como assessor não têm mistério: captação de clientes é a prioridade. Afinal, sem eles, o trabalho de assessoria não existe. Diversas ligações, alinhamento de pitch, conversas com prospects e reuniões a distância fizeram e fazem parte da minha rotina, já que ainda estou construindo carteira. No entanto, noto que cada vez mais o trabalho árduo de hoje me dará frutos lá na frente. Portanto, o foco é sempre captar. Essa é uma das principais funções de um assessor.

Além da captação, já tive diversas experiências com os meus clientes: reservas de IPO, reserva de subscrição de fundos, alocação de produtos, portabilidade de previdências, análise de carteiras, operações estruturadas, carteiras de ações e muitas outras coisas. Tudo isso em 3 meses de assessoria. Todas essas experiências me auxiliam cada vez mais a ser um profissional melhor e mais experiente.

Hoje tenho uma perspectiva muito boa dos meses que vêm pela frente. Toda essa mudança que era uma dúvida na minha cabeça no começo desse ano tornou-se uma convicção. Convicção de que acordo feliz toda semana, aprendo coisas novas todos os dias e que estou cercado de profissionais gabaritados que me ensinam cada vez mais.

Hoje sei que posso ajudar alguém a melhorar seus investimentos e deixar meus clientes mais perto de realizarem sonhos. Hoje, como assessor de investimentos, posso dizer com toda certeza que sou uma pessoa mais feliz, e isso, para mim, não tem preço.

Quer fazer como eu, mas não sabe como dar o primeiro passo? O Guru Investidor tem um curso muito completo chamado ACELERAÇÃO DE ASSESSORES, em que vai te ajudar a acelerar a sua carreira no mercado financeiro! Saiba mais em:  https://guruinvestidor.com.br/loja/presenciais/aceleracao-de-assessores/

1 comentário em “3 Anos em 3 Meses – Diário de um assessor de investimentos.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
× Como posso te ajudar?